segunda-feira, junho 26, 2006

Declaração de Amor ...

Ele, seguro e feliz...
Ela, linda e formosa...
Dá-se um olhar...
Nasceu o Amor...
O Amor cresceu e fortaleceu-se...
Desse Amor nasceu uma criança...
Um fruto desejado... não no tempo devido... mas mesmo assim muito desejado e amado...
Ele era muito jovem...
Ela mais jovem era ainda...
E com a força do Amor, depressa cresceram como seres, e a vida geriram com firmeza e felicidade...
À criança que nasceu... ensinaram tudo o que de bom tinham para dar...
Pegaram-lhe na mão .... ensinaram-na a andar...
Ensinaram-lhe que o Amor não se compra...
Conquista-se... por vezes apenas com o simples gesto de um olhar...
Que os sentimentos sao o maior tesouro, que se pode ter...
E que se os conservarmos dentro de nós.... seremos ao longo da vida boas pessoas...
Ensinaram-lhe que tudo o que se deseja... tem que ser conseguido honestamente...
E que cada lágrima que se chora.... é uma prova dada de um obstáculo ultrapassado...
Que os sorrisos, são a recompensa pelo esforço em ser feliz...
Que a luta é permanente mas tem a sua recompensa...
Ensinaram-na a crescer feliz... muito feliz...
Ele, eras tu Pai...
Ela, eras tu Mãe....
O fruto desejado.... era eu....
E a homenagem de coração, vai para vocês que me deram sempre tudo o que de melhor existe... carinho, amor, valores morais, compreensão.... palavras ditas cheias de razão.... por vezes mal escutadas por mim...
Quero que saibam, que vos amo muito.... e por isso, gritei ao Mundo, a minha Declaração de Amor...
Ana Cardoso

1 comentário:

socia disse...

Bem Fabiana....

Com esta tombei, melher.
Ta bem demais para tecer qq comentario....

Gostei.

beijo
Belinha

Um pouco de mim ....