quinta-feira, julho 27, 2006

Aprendendo a Amar ...

Quero amar-te como uma aprendiz...
Dar tudo em cada momento...
Desvendar mistérios... Com intensidade... E com meu corpo te servir...
Viver cada minuto das nossas vidas juntos
Partilhar de sonhos e ilusões... viver para ti e ser tua
Amar não é, de forma nenhuma, aquilo que queremos sentir, mas sim, aquilo que se sente, sem planear, sem querer e eu sem querer, quis te amar...
Quanto te conheci, houve um tempo, um lugar e um sentimento... palavras que foram ditas... olhares que foram trocados e o amor nasceu!
O tempo sem duvida que ficou marcado... o lugar será lembrado.... os teus olhos esses nunca os esqueci, e o sentimento, esse jamais será esquecido...
...
( Este poema foi a pedido de Sonia Calado, para dedicar ao seu marido Manuel Calado )
Ana Cardoso

2 comentários:

sonia calado disse...

ana adorei o poema está muito lindo .
obrigado .
sem duvida diz respeito a mim e ao meu marido , adorei está lindo.

muitos beijos

sexshop disse...

bom blog

Um pouco de mim ....