quarta-feira, novembro 22, 2006

Definição...


Nestes recantos mais escondidos encontrei-te um dia ...
Falamos do Mar, do Vento e de Saudade...
Sorrimos, Choramos...
Trocámos segredos, sem medos ...
Palavras inquietas que a água levou...
E este fim de tarde, tão belo ...
Que nunca ninguém , jamais comtemplou...
Serviu de fundo a nossa imaginação...
Embora friento, o nosso calor era mais...
Embora escuro, a nossa luz mais forte...
Eis que surge a definição...
Que nunca ninguém diga que não é de ninguém...
Que nunca ninguém morra sem ter sido de alguém...
Que imagens como esta não passem em branco nos corações de dois seres que se amam...
Vem...
Aninha-te em mim...
Está frio e o tempo teima em passar...
Xiu! Não digas nada...
Apenas abraça-me...
Adormece comtemplando a imensidão do Mar...
Chora, Sorri e Sonha...
Eu estou aqui...
Vou sempre estar aqui !!

Ana Cardoso

5 comentários:

Carmo disse...

calindo..lindo..lindo cumatu minha douda..veijos

Carmo disse...

calindo..lindo..lindo cumatu minha douda..veijos

Carmo disse...

apaga um sff!

solnascente disse...

Gostei
solnascente

Zita disse...

komo sempre ñ ha palavras simplesmente lindo...Beijos:-))****

Um pouco de mim ....